quarta-feira, Março 09, 2005

Métodos Anticoncepcionais

  • Preservativo

É uma fina capa de látex, usada no pênis ou na vagina, onde os espermatozóides ficam retidos.
Preservativo Masculino: Desenrolar a camisinha no pénis erecto, antes de qualquer contacto com a vagina, ânus ou boca. Deve ser retirada do pénis imediatamente após a ejaculação, segurando as bordas da camisinha para impedir que os espermatozóides entrem na vagina.
Preservativo Feminino: Retirar da embalagem apenas na hora do uso. Pressionarr o anel de modo que possa ser introduzido na vagina. Com os dedos indicador e médio, empurrar o máximo que puder, de modo que fique um pouco de fora, o que deve permanecer assim durante a relação. Retirar logo após a ejaculação, enrolando o anel para que não escorra o líquido seminal para dentro da vagina.


Eficácia: Se usado correctamente, a sua eficácia é alta, varia de 82 a 97%.


Vantagens: Quase todas as pessoas podem usar; protege contra doenças sexualmente transmissíveis, inclusive SIDA; previne doenças do colo uterino; não faz mal a saúde; fácil acesso.


Desvantagens: Tem custo; é preciso usar um preservativo por relação.


Efeitos Secundários: Alergia ou irritação, que pode ser reduzida trocando a marca e tipo, e com uso de lubrificantes à base de água.

  • Pílula

A pílula contém hormonas que evitam a libertação do óvulo.
Uso: O médico é quem orienta qual pílula deve ser usada. No caso da pílula combinada, o primeiro comprimido é tomado no primeiro dia da menstruação, ou seja, quando começar a hemorragia, depois uma a cada dia no mesmo horário, até terminar a carteira. Esperar uma semana e iniciar a carteira seguinte no oitavo dia. A menstruação virá nesse período de intervalo.


Eficácia: É alta, se usada correctamente. Varia de 97 a 99,9%.


Vantagens: Pode ser a redução dos problemas menstruais; não interfere na relação sexual, protege contra algumas doenças ginecológicas inclusive alguns tipos de cancro.


Desvantagens:É preciso disciplina e constância; pode produzir efeitos colaterais como, náuseas, mal estar gástrico, mudança de peso, dor de cabeça, tonturas, diminuição das menstruações, acne, dor mamária, sangramento entre as menstruações, alterações emocionais.

  • Contracepção de emergência - Pílula do dia seguinte

Esta é a saída de emergência para mulheres que tiveram relação sexual sem usar algum tipo de método contraceptivo e não querem ficar grávidas. Modo de usar A pílula do dia seguinte, que na verdade são duas, uma toma assim que puder após a relação e a outra no dia seguinte, após 12 horas. De 2 a 5 dias após tomar essas pílulas, você deverá menstruar, (isso para a grande maioria das mulheres, porém, em alguns casos a hemorragia poderá vir até 10 dias); o que significa que você não ficou grávida. Esta pílula pode ser tomada até 72 horas depois da relação. Porém quanto maior o tempo, menor será sua eficácia. A pílula do dia seguinte só deverá ser usada em casos especiais, como um "acidente" por exemplo. Você não deve fazer o uso constante da pílula do dia seguinte devido ao alto teor de hormonas que ela possui, nem deve substituir o uso da pílula anticoncepcional que seu médico indicou pela do dia seguinte.


Observações: Podem aparecer efeitos secundários: Náuseas (temporária, cerca de 1 dia); vômitos. Se não apresentar menstruação dentro de 14 dias, procure o serviço médico para avaliar possível gravidez

quarta-feira, Março 02, 2005

Curiosidades

Como se engravida?

Quando a mulher estiver no seu período fértil e tiver uma relação sexual, e na ejaculação, o sémen libertado for rico em espermatozóides (célula masculina), estes sobem através do útero e das trompas até encontrar o óvulo (célula feminina), ocorrendo a fecundação – a mulher está grávida.

O que é o período fértil?

Após a menstruação (mais ou menos 14 dias depois) ocorre a ovulação, que é quando o ovário liberta o óvulo. Alguns dias antes e alguns depois é o período fértil – a mulher está apta a engravidar.

Porque a mulher sangra quando está menstruada?

Todos os meses o útero prepara-se para receber o óvulo fecundado; forma-se no útero uma “camada fofa”, como se fosse um ninho onde o ovo recém-chegado se vai prender e nutrir durante a gravidez. Quando isto não acontece, esta camada desprende-se e sai pela vagina junto com sangue, e isto é o que chamamos de menstruação.

Pode ter dor na primeira relação?

Se a rapariga vai para a primeira relação preocupada, com medo de engravidar, que os seus pais descubram, insegura, etc., ela terá dificuldades de relaxar e, assim, não terá uma boa lubrificação. Com isso, ela pode sentir dor.

Quando é que acontece dor na relação?

A dor na relação pode acontecer ou porque a rapariga está tensa, e então não tem uma boa lubrificação, neste caso se a penetração for muito violenta pode magoar e causar dor, ou raramente por algum problema físico. Quando a relação for tranquila com os dois bem preparados sabendo o que querem e a rapariga sentir dor forte na relação, ela deve procurar um médico para identificar e tratar o problema.

O que é orgasmo?

Orgasmo é a descarga da excitação sexual. É um momento de grande prazer, que acontece no ponto máximo da excitação sexual.

O que é ejaculação?

É quando o homem liberta o sémen (líquido onde estão os espermatozóides).

O corpo muda após a primeira relação sexual?

Não, o corpo não sofre nenhuma modificação após a relação sexual, apenas o hímen fica mais relaxado.

A importância de esclarecer dúvidas nesta fase



As modificações corporais despertam novos desejos, sentimentos, medos e ansiedades. Na adolescência iniciam-se os namoros. Tudo muda muito rápido, tão rápido que é difícil adaptar-se a essas transformações, o que gera insegurança.
Sabe-se que os adolescentes, no mundo inteiro, estão a começar a vida sexual cedo, o que os deixa expostos a riscos como os de uma gravidez indesejada ou de contrair doenças sexualmente transmissíveis, como a SIDA.
A orientação e a informação podem minimizar tudo isto, e ajudar o adolescente a viver esta etapa com menos dúvidas e medo, permitindo, assim, um crescimento saudável e feliz.
Contudo, não é só sobre sexualidade que é importante conversar. Pesquisar informações e orientações sempre, sobre todos os assuntos que lhe despertem dúvidas e/ou interesse é fundamental.


A primeira vez…

Não existe uma “idade certa” para iniciar a vida sexual. O que existe é o melhor momento para cada pessoa. Cada um deve saber quando chegou a sua hora de iniciar a vida sexual. É importante que essa seja uma decisão pessoal, madura, responsável, livre de influências ou pressões. Além disso, ao decidir que chegou a hora de ter a primeira aventura, deve-se escolher um método anticoncepcional, e um parceiro que se conheça e em quem se confie.

quarta-feira, Fevereiro 23, 2005

Quais as mudanças na adolescência?

"Que mudanças surgem nas raparigas?



Nas raparigas observa-se um aumento na altura e no peso, as ancas alargam e tornam-se mais redondas, os seios desenvolvem-se e começam a crescer os pêlos púbicos (pêlos debaixo dos braços e nas pernas), a pele fica mais oleosa e as glândulas sudoríparas tornam-se activas. Os ciclos menstruais marcam um importante marco na vida das jovens. Quanto melhor conheceres e valorizares o teu corpo, melhor te sentirás nele.

Que mudanças surgem nos rapazes?



Os rapazes são habitualmente mais altos, mais fortes e com mais massa muscular. Os ombros e o peito alargam e os músculos começam a desenvolver-se. O pénis e os testículos crescem e surgem os pêlos púbicos (pêlos debaixo dos braços, nas pernas e no rosto). Os testículos começam a produzir esperma.

À medida que o tempo passa, as cordas vocais aumentam, o que torna a tua voz mais grossa, embora possas produzir por vezes sons agudos. Podem ainda surgir alguns pêlos no peito. Os pêlos dos braços ficam mais grossos e os pêlos púbicos tornam-se mais espessos. As glândulas sudoríparas (que produzem suor) começam a funcionar. "

in:sexualidadejuvenil.pt às12h16 em 23-02-2005

O que é a adolescência?


A adolescência é uma etapa de nossas vidas marcada por uma porção de transformações: no corpo, nos sentimentos e nas relações com os outros. É um tempo de conhecer, descobrir, experimentar. Todo o crescimento que acontece nessa fase tem um objectivo importante: o amadurecimento físico e emocional.

quarta-feira, Fevereiro 16, 2005

O objectivo


Este blog pretende esclarecer e dar a conhecer tudo o que quer saber sobre a sexualidade na adolescencia. Gostaríamos que participasse neste blog, expondo as suas dúvidas ou fornecendo informação alusiva ao tema.